quinta-feira, 7 de outubro de 2010

o essencial...

"- Exatamente, disse a raposa.
Tu não és para mim senão um rapaz
inteiramente igual a cem mil outros rapazes.
E eu não tenho necessidade de ti.
E tu não tens também necessidade de mim.
Não passo a teus olhos de uma raposa igual a cem mil outras raposas.
Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro.
Serás para mim
único no mundo.
E eu serei para ti única no mundo...."


Um comentário:

  1. esse com toda certeza vai ser o primeiro livro que meu filho vai ler....

    ResponderExcluir